Tudo bem, tudo bem, eles venceram… E sei que muitas de vocês também têm esse pensamento quando veem os mules por aí (até porque elas estão em todos os lugares). No início confesso que era contra e achava que essa tendência não duraria tanto e ainda acho que lá na frente vamos pensar “nossa a gente usava isso”, mas enquanto isso não acontece, vamos usar os mules sim.

Teve fama de feioso, mas voltou de fininho e conquistou nosso coração. E pra quem ainda não a conhece, o mule nada mais é do que um tamanco, a diferença é que ela não tem nada que prenda o tornozelo, deixando o calcanhar totalmente à mostra. Os flat mules são aqueles que não tem salto, parece aqueles chinelos que os milionários dos filmes usam em casa.

Ousada e polêmica, o mule chegou provocando paixões na mesma proporção que torce os narizes, inclusive os das fashionistas. Sim. O modelo é do tipo ame ou deixe-o, mas, sem dúvida, está entre os destaques das tendências de acessórios e não é de hoje, viu. A mesma coisa aconteceu com sua mãe lá nos anos 80, início dos 90. Tudo bem, nós entendemos que às vezes a moda vem com umas novidades que, de primeira, chocam, mas nada que uns clicks do street style não sejam capazer de corrigir.

E se você, assim como eu já passou da fase da rejeição e negação dos mules e está começando a se interessar por esse modelo de sapato que deixa o look muito mais estiloso, mas não sabe como usá-los, aqui estão alguns looks para servirem de inspiração: